O que esperar do futuro da tecnologia hoteleira de 2020?

As tecnologias hoteleiras estão em crescimento, e a todo momento surgem softwares que prometem facilitar os produtos e serviços. Muitas dessas inovações já estão presentes no nosso dia a dia, possibilitando facilidades nas reservas, serviços, controle financeiro e gestão. Mas, o que esperar do futuro?

Check-in

Apesar de já convivermos com novas tecnologias, elas pouco afetaram o check-in. O serviço ofertado no balcão ainda é muito valioso. Ali é onde acontece o primeiro contato do hóspede com o hotel e é a oportunidade onde o funcionário pode apresentar todas os diferenciais do negócio.

Porém, isso pode mudar. O Jannah Hotels and Resorts em Dubai, propriedade cinco estrelas do Médio Oriente, teve como objetivo eliminar filas no saguão e permitiu que os clientes fizessem o check-in ao pressionar alguns botões num tablet e ao fornecer-lhes um código QR, que liga a um vídeo explicando qualquer coisa que o cliente precise saber. Outro serviço, que eles chamam de Karim, executa outras funções como despertar o hóspede ou ajudá-lo com pesquisas de alugueis de carros.

Novas experiências

O City Hub, empresa holandesa, disponibiliza para seus hóspedes dormitórios em formato de cápsulas com cama king size, base para ipod, tomadas normais e USB, cabideiro e uma porta com um bom isolante acústico. Perfeito para quem busca hospedagem mais acessível, e o plus do empreendimento é a tecnologia.

O check-in é realizado por totens com computadores e o hóspede configura uma pulseirinha que possui uma tag NFC. Com ela o cliente abre a porta do quarto, acessa os banheiros compartilhados e chuveiros, faz compras nas máquinas de café, comida e até no bar a qualquer hora do dia ou da noite. Todos os custos são lançados automaticamente no cartão cadastrado, por isso, o hotel só aceita cartão de crédito como forma de pagamento.

O City Hub ainda tem um app que controla as luzes da cápsula, alarme para quem precisa acordar cedo e disponibiliza um mapa com dicas de locais interessantes em Amsterdam. Eles ainda oferecem wi-fi gratuito e roteador 3G portátil para o hóspede usar durante a sua estadia.

Esse formato revoluciona a oferta de hospedagem para Hostel, já que oferece estadia a preços acessíveis com banheiro compartilhado e alta tecnologia.

O setor hoteleiro pode esperar novas tecnologias como realidade virtual, uso de aplicativos, IoT (Internet das Coisas) para entrega de alimentos, produtos, serviços e até mesmo a exibição de opções de quarto ou assentos. As inovações não param e podemos esperar muitas emoções para os próximos anos.

Fonte: https://www.guiagphr.com.br/noticias/tecnologia-hoteleira-de-2020-como-sera-o-hotel-do-futuro/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp chat